Acusado de matar o soldado Marcos Antônio em Natal foi preso em Guamaré no mês passado com arma de fogo.

DD

A Polícia Civil prendeu na manhã de hoje (18) em Natal, dois homens suspeitos de matar o soldado da Polícia Militar, Marcos Antônio, falecido no dia 31 deste mês. De acordo com o delegado Roberto Andrade, da Delegacia Especializada em Homicídios (Dehom), Diego Wesley Galvão, mais conhecido como “Diego Mortadela” e Anderson André Barbosa da Silva, apelidado de “Tengo” se juntam a outros dois acusados de envolvimento no crime.

DAAlém dos jovens Diego Mortadela e Tengo, ambos de 20 anos, outros dois homens também são suspeitos do crime, são eles: Alisson Carlos Barbosa da Silva e Jackson Lopes da Silva. Esses dois foram presos pela Polícia Militar no ainda no dia 31.

O crime

O soldado Marcos Antônio foi baleado na cabeça na noite do dia 31 de outubro, no conjunto de Nordelândia, no bairro Lagoa Azul, zona Norte de Natal. Após o crime, o militar foi levado ao Hospital Walfredo Gurgel, no entanto, ele acabou não resistindo aos ferimentos e faleceu no dia seguinte, depois de ter uma parada cardíaca.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *