Prefeito de Galinhos desrespeita votação unanime da câmara de vereadores e publica Lei divergente da aprovação legislativa.

Resultado de imagem para prefeito de galinhos fabio

O prefeito de Galinhos segue na contramão da moralidade e legalidade, desrespeitando o poder legislativo e sancionando Lei de forma diferente ao que foi aprovado na Câmara  Municipal.

O prefeito encaminhou o projeto de Lei número 398/2017, que foi deliberado caráter de urgência pela Câmara Municipal, tendo os vereadores apresentado emenda ao referido projeto oque foi ignorado pelo chefe do poder executivo que publicou a lei com o texto original.

A Câmara Municipal de Galinhos afastou a prefeita Joseneide Cunha de Medeiros por proceder de modo incompatível com a dignidade e o decoro.

O prefeito atual, segue na contramão da legalidade e além de proceder de modo incompatível com a dignidade e o decoro está praticando contra expressa disposição de lei, ato de sua competência.

galinhos


Em Galinhos tem um vereador oposicionista que sabe fazer oposição ao executivo.

O poder fiscalizador da Câmara Municipal de Galinhos seria enfraquecido nesta legislatura 2017/2020, se a maioria absoluta dos vereadores estivesse ao lado do governo, e se não houvesse oposição na câmara ficaria um governo sem graça.

Se o prefeito Fábio Rodrigues não tivesse neste mandato, uma oposição fiscalizadora, responsável, corajosa e impulsiva, a gestão dele estava um verdadeiro desmantelo, sem rumo e sem prumo.

Que diga de passagem, o personagem da foto, o vereador oposicionista, Márcio André, que tem sido na câmara um espinho na carne do prefeito. Sempre munido de documentos, e reivindicações da população que o procura, o Edil tem sido um legítimo representante do povo na casa do povo.

Mas quais são os riscos de um governo sem oposição em Galinhos? “O editor do blog” foi atrás das respostas, e ouviu o próprio vereador. Márcio. Ele disse ao portal que É consenso que, diante deste cenário que vive a ilha, o poder fiscalizador da Câmara, um de seus papéis mais importantes ficaria enfraquecido se não houvesse oposição.

Disse ainda que um governo sem oposição inibe a função primária do Legislativo, que é provocar o debate. A câmara é um poder autônomo, que tem funções constitucionais a cumprir, como fiscalizar os atos do Executivo e propor leis que beneficiem a comunidade”. Concluiu.

Sem oposição, o Legislativo se torna subserviente. Todo esse processo começa a ficar viciado e não há uma relação de autonomia entre os poderes. Nessa relação de maioria absoluta, o Legislativo poderá não exigir do Executivo que as promessas de governo sejam cumpridas. Outro risco é a perda de legitimidade dos vereadores diante da comunidade que os elegeu. É preciso lembrar que o mandato não é do vereador, mas sim do povo.

O povo de Galinhos quer nesta legislatura um Poder Legislativo mais atuante, mais autônomo, mais fiscalizador, e se depender de Márcio e dos demais vereadores da oposição será. A inexistência de oposição demonstraria que a campanha foi uma grande fantasia e que, na prática, voltaria a ser uma câmara fraca e inoperante, com baixa representatividade diante do eleitorado.


“Um líder é alguém que sabe o que quer alcançar e consegue comunicá-lo”. Margaret Thatcher

Entendo que a atuação de um parlamentar se mede pelo seu compromisso com o povo, e por sua capacidade de desempenhar sua função, diga se de passagem, tão nobre. Preste há completar três meses, como presidente da câmara, Francinaldo Silva da Cruz (PR), mas conhecido por Naldo,  está sendo responsável por importantes ações no Poder Legislativo, podendo escrever com trabalho em seu primeiro mandato de vereador, sua historia no cenário politico de Galinhos.

Naldo é um tipo de presidente que dá expediente na câmara todos os dias, coisa rara de se ver nas câmaras municipais por este Brasil a fora, na maioria das vezes ele é o primeiro a chegar e o ultimo a sair. Com poucos meses a frente da casa do povo, o cara deu uma nova cara no prédio da câmara, e na parte administrativa um choque de gestão.

Com humildade, ele se reuniu com os demais vereadores da situação e oposição quando assumiu o comando do legislativo, e se colocou a disposição para juntos fazer a câmara crescer e ser independente.

Com empenho, a Câmara vem mantendo sua integridade e independência na gestão de Francinaldo, demonstrando altivez em fiscalizar o Executivo, independentemente de partidos, cobrando as melhorias que a cidade sempre necessitou e necessita. O dialogo tem sido seu carro chefe com seus pares, com o poder executivo e com o povo.

Reconhecimento

A população de Galinhos foi às urnas na ultima eleição, e reconheceu seu trabalho como secretário de obras, o elegendo vereador com uma votação histórica no município, e conseguintemente, seus pares o fez presidente da casa do povo pelo o biênio 2017/2018.

Naldo estar conseguindo com vontade e trabalho, imprimir no parlamento sua marca de caráter, competência e responsabilidade. Quem colhe os frutos do trabalho prestado no Poder Legislativo é a própria população da ilha.

A Câmara vive hoje um novo momento na atual gestão que tem contado com o apoio e a ajuda dos demais vereadores, sendo essa união fundamental para que as ações aconteçam.


Em Guamaré, a política e suas relações de “amor e ódio”.

1

Na Câmara Municipal de Guamaré, é possível constatar uma união que até bem pouco tempo era impossível. O vereador Gustavo Santiago (SD), que há tão pouco tempo, destilava ódio intenso ao presidente da Câmara, vereador Emilson de Borba (PR), conhecido por LULA, por ter afastado ele de seu mandato quando foi presidente do legislativo nos primeiros meses de 2009.

A vereadora Eliane Guedes (PV), esposa do ex-vereador Edinho de Moacir (PV), que nutria forte ódio contra Lula, atual presidente da Câmara, porque quando Lula era  presidente do PTN, Eliane dizia nos bastidores, que Lula teria feito uma articulação para deixar o seu marido “Edinho” fora das eleições 2008, usando a força do comando do partido.

A vereadora Francisca do Camarão (PMDB) que tinha ódio medonho de Diva Araújo (PRB), tudo por causa dos votos de Lagoa Seca. O Desafeto entre as duas eram tão grandes, que Diva e Francisca, chegaram ao ponto de nem se falarem, do tamanho que era o ódio. Em único momento que se falaram, foi na eleição de 2012, e mesmo assim foi para trocar acusações e insultos.

E Emilson de Borba, o LULA,  que não suportava Edinho de Moacir, por motivos diversos e que tinha pavor a Gustavo Santiago, e que hoje é o seu fiel escudeiro, enquanto Eliane é sua liderada no grupo da oposição.

A política tem dessas coisas…

A política nos mostrar às vezes cenários que jamais poderíamos imaginar. E que o diga o que estamos presenciando agora.

O mundo gira e na política parece que gira com mais intensidade ainda, trazendo-nos certas surpresas, como essa em que ódio vira amor, e o amor vira ódio… Hoje na câmara de vereadores em Guamaré, quem era líder, hoje é liderado, quem tinha rancor e ódio passou a amar, de uma coisa é fato… Nesta aliança e jogo de faz de contas, os laços estão se soltando.


Blogueiro é réu em ação de superfaturamento.

O Macaueense – A juíza de direito da vara criminal de Macau, Dra. Cristiany Maria de Vasconcelos Batista tornou o blogueiro Irineu Cândido de Souza Junior réu em mais uma ação penal, recheando sua folha corrida que agora consta de 11 denúncias pela prática de crimes diversificados, entre eles o de formação de quadrilha e desvio de dinheiro público.

Em seu despacho, a Dra. Cristiany Vasconcelos cientificou que “O Ministério Público narrou os fatos e a conduta de cada um dos réus e ainda fez acompanhar a exordial de depoimentos de testemunhas que afirmaram que trataram sobre as contratações com o denunciado Irineu Cândido, circunstância que o liga ao alegado superfaturamento, desvio de verbas e ilegalidade no procedimento de inexigibilidade de licitação” (Ação Penal nº 0101801-15.2014.8.20.0105).

Segundo o Ministério Público, Irineu, juntamente com outras pessoas contratou sem licitação 15 bandas de forró para as festividades juninas do São João em 2012, com valores superfaturados. Ainda segundo o MPRN, o então servidor Irineu Cândido e um empresário oculto ficavam com parte do dinheiro que deveria ser pago às bandas e distribuíam entre os associados do crime.

Irineu responde, ainda, juntamente com outros réus Francisco Gaspar Paraíba da Silva Cabral (Chico Paraíba) e Arafan Peter a uma Ação Civil Pública movida pelo MPRN onde os réus são acusados de desrespeitar a Lei da meia entrada quando promoveram shows e eventos na cidade de Macau. (Ação Civil Pública nº 0101362-56.2014.8.20.0105).


Justiça condena ex-governador, vereador de Natal e outros 13 por peculato.

Resultado de imagem para Justiça condena ex-governador, vereador de Natal e outros 13 por peculato.O juiz Raimundo Carlyle, da 4ª Vara Criminal de Natal, condenou o ex-governador Fernando Freire e mais 12 denunciados pela prática do crime de peculato.

Na mesma sentença, o magistrado condenou o atual vereador de Natal, Luiz Almir e outro denunciado pela prática do crime de ocultação de valores e peculato no esquema de concessão irregular de gratificações em nome de funcionários fantasmas no período de 1995 a 2002, conhecido como Escândalos dos Gafanhotos.

Os outros condenados são Amós Plínio Batista, Antônio Alexandre do Nascimento Rodrigues, Antônio Laézio Filgueiras Magalhães, Cauby Barreto Sobreiro, Djai Monteiro Teixeira, Evânia Maria de Oliveira Godeiro, Flávia Maria Fabiana Severo Cavalcanti, Genivaldo Ferreira da Silva, Jean Coelho Bezerra, João Batista de Menezes Barbosa Neto, Márcio Carlos Godeiro, Maria do Socorro Dias de Oliveira e Ubirajara Manoel Firmino de Oliveira.

Segundo a sentença condenatória, o ex-governador Fernando Freire deverá cumprir 13 anos, 7 meses e 10 dias de reclusão, em regime fechado. Já Luiz Almir recebeu, pelos crimes de peculato e lavagem de dinheiro, uma pena de 12 anos e 7 meses de reclusão, também em regime inicial fechado.


Último dia de carnaval de Galinhos é garantido com atrações musicais.

IMG_3562

O Carnaval Pé No Chão – O Melhor da Região, contará com uma extensa programação e apresentações musicais na beira da praia, todos os dias. A Prefeitura também apoia as iniciativas e os blocos de rua, que contribuem para abrilhantar ainda mais a festa popular, atrair visitantes e movimentar o turismo e a economia municipal. O carnaval de Galinhos será referência na região salineira.

Neste último dia de carnaval a atração fica por conta das Bandas Requebra, Placílio e Forró Play.